Sexta-feira, 18 de Janeiro de 2008

Separação do lixo


Cada vez mais os resíduos são e deverão ser vistos não como lixo, mas como recurso.

Assim, a recuperação e reciclagem dos materiais é fundamental para a valorização dos resíduos.


Regras a seguir:

  • Escorra e enxague as embalagens usadas para evitar maus-cheiros;
  • Sempre que possível, espalme as embalagens usadas para reduzir o espaço que ocupam e facilitar o transporte;
  • Retire as rolhas e tampas pois são, normalmente, de material diferente da embalagem.

    Reduzir a quantidade de lixo que cada um de nós produz.

    Reutilizar, escolhendo produtos e embalagens que possam ser utilizadas várias vezes.

    Reciclar alguns componentes do lixo, de preferência se o separarmos na origem.


Plástico

 


Depositar:

Garrafas, garrafões e frascos de:


- água

- sumos e refrigerantes

- vinagre

- detergentes e produtos de higiene

- óleos alimentares


Sacos de plástico

Esferovite

Pacotes de leite e bebidas (ECAL)*

Iogurtes

 

*embalagens de cartão para alimentos líquidos

 

Não depositar:

Embalagens de produtos tóxicos ou perigosos, por ex.: combustíveis e óleo de motor.

 

 

Metal

 



 

Depositar:                                          Não Depositar:

- latas de bebidas                              Electrodomésticos

- latas de conserva                             Pilhas e baterias

- tabuleiros de alumínio                      Objectos que não sejam embalagens, por ex:

- aerossóis vazios                              tachos e panelas, talheres, ferramentas, etc.

- metalizados



Papel e Cartão

 


Depositar:

- embalagens de cartão, por ex.: caixas de cereais; bolachas, etc

- sacos de papel

- papel de embrulho

- jornais e revistas

- papel de escrita

 

Não depositar:

- embalagens de cartão com gordura, por ex.: pacotes de batatas fritas, caixas de pizza

- sacos de cimento

- embalagens de produtos químicos

- papel de alumínio

- papel autocolante

- papel de cozinha, guardanapos e lenços de papel sujos

- toalhetes e fraldas

 

 

Vidro


Depositar:                         Não depositar:

- Garrafas                       - Loiças e cerâmicas (pratos, copos, chávenas, jarras, etc.)
- Garrafões                     - Materiais de construção civil
- Frascos                       - Janelas, vidraças, espelhos, etc.
- Boiões                         - Lâmpadas


 

Pilhas

Depositar:


Pilhas (salinas e alcalinas, de botão, de lítio e recarregáveis) e acumuladores - baterias recarregáveis (baterias de níquel cádmio, níquel metal híbrido e de iões de lítio).


Estas pilhas e acumuladores serão armazenados em condições de segurança e encaminhadas para valorização onde, através de vários processos, se separam e recuperam os diversos materiais que as constituem.


Nota: As pilhas são resíduos perigosos. Uma simples pilha pode contaminar 3000 litros de água!

 



Alguns aspectos negativos das lixeiras

- Contaminação das águas.
- Contaminação dos solos.
- Maus cheiros.

- Provocam incêndios.
- Formação de focos de doenças.

- Problemas paisagisticos.

- Problemas de sobrevivência de alguns seres vivos.



 

Algumas vantagens da Reciclagem:


 


 

- Economiza e reduz a procura de energia;

- Reduz a quantidade de matérias-primas necessárias para o fabrico de novos produtos;

- Reduz a quantidade de resíduos depositados em aterro;

- Protege a biodiversidade;

- Reduz o aquecimento global;

- Reduz a poluição da água;

- Reduz a poluição do ar;

- Reduz a quantidade de resíduos sólidos;

- Reduz a destruição de habitat

 


 

Por um Mundo melhor...

 Pedro Gonçalo C. S. Silva

 

Publicado por simbioseverde às 01:05

Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
|
2 comentários:
De Helena Rezende a 30 de Março de 2008 às 23:36
Excelente matéria, gostei muito do seu trabalho. Foi de grande aprendizado, sobretudo na explanação dos efeitos da reciclagem. Estou sempre pesquisando os temas do meio ambiente, pois além de ter um blog, estou organizando um passeio ecológico no meu bairro, onde iremos catar lixo, conscientizar todos os moradores para a necessidade de preservação e reciclagem dos produtos.
Boa sorte, Helena
De Carla a 6 de Janeiro de 2010 às 19:46
está muito bom e ajudou-me bastante para um trabalho

Comentar Post

-Sobre mim

-Pesquisar neste blog

 

-Fevereiro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29

-Posts

- Filmes videos séries que ...

- Separação do lixo

- Árvores De Portugal

- A Importância das Plantas

- Compre um carro que polui...

- O Homem é o "vírus"..é a ...

- Os 10 Carros Menos Poluen...

- Fontes de Energias Renová...

- Fontes de energia alterna...

- Projectos e invenções par...

- Algumas Organizações Ambi...

- Sabia que...?

- Videos - Ambiente

- Efeito de estufa

- Como poupar dinheiro e aj...

-Arquivos

- Fevereiro 2016

- Janeiro 2008

- Dezembro 2007

- Agosto 2007

- Julho 2007

- Junho 2007

-Tags

- todas as tags

-Links

-Protect

-GreenPeace

www.greenpeace.pt

-Relógio

-Contador de Visitas

contador gratis
contador gratis

-subscrever feeds